Aconteceu no SINESP
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

O site da Agência Sindical reforça as reiteradas denúncias do SINESP a respeito dos plantões diários de gestores nas unidades educacionais impostos pela Secretaria Municipal da Educação de São Paulo durante a pandemia. O texto, que acaba de ir ao ar, destaca a insensibilidade da SME, em situação que afeta mais de cinco mil gestores. 

À Agência Sindical, Luiz Carlos Ghilardi, presidente do Sindicato, explica que, desde a segunda quinzena de março, os trabalhadores são obrigados a comparecer a suas Unidades de Trabalho sem necessidade efetiva. “A secretaria não demonstra sensibilidade, nem nas situações envolvendo insegurança e falecimentos de gestores educacionais e outros profissionais de educação que estavam em serviço”.

>>> Leia aqui o texto na íntegra

>>> Leia mais: SINESP entra com ação na Justiça pela suspensão dos plantões presenciais

Adicionar comentário


0
0
0
s2sdefault