A abertura da série de concertos OSESP MASP de 2020 acontece nesta quarta, dia 5 de agosto, às 20h, no canal do Masp no YouTube. O projeto, que combina arte e música no palco do MASP Auditório, migrou para o ambiente digital, seguindo as medidas de isolamento social por conta da pandemia de covid-19.

A nova versão estreia com a obra 'Composição (Figura só)', 1930, de Tarsila do Amaral, escolhida a partir do acervo do MASP, relacionada pelo palestrante Sérgio Molina - graduado em composição, mestre em musicologia e doutor em Música pela USP - às composições de Villa-Lobos, Dohnanyl e Benjamin Britten. O objetivo do projeto é estabelecer diálogos entre as duas formas artísticas, relacionando similaridades estéticas e históricas de ambas.

Cada apresentação é comentada por um especialista convidado, que faz a conexão entre as obras de arte da coleção do MASP e de exposições temporárias com as composições musicais. A programação deste ano conta com cinco apresentações.

>>> Veja a live pelo perfil do MASP no YouTube clicando aqui

OBRA COMENTADA
'Composição (Figura só)', 1930, de Tarsila do Amaral

PALESTRANTE
Sérgio Molina, compositor e professor. Graduado em composição, mestre em musicologia e doutor em Música pela USP.

CONCERTO
QUARTETO CHROMOS
JOEL GISIGER oboé
MATTHEW THORPE violino
EDERSON FERNANDES viola
JIN JOO DOH violoncelo

HEITOR VILLA-LOBOS [1887-1959]
Quarteto de Cordas nº 1: Excertos [1915] [adaptação para oboé e trio de cordas]
1. Cantilena
2. Brincadeira
6. Saltando Como Um Saci
8 MIN

ERNÖ DOHNÁNYI [1877-1960]
Serenade em Dó Maior, Op. 10 [1902]
Marcia: Allegro
Romanza: Adagio Non Troppo
Scherzo: Vivace
Tema Con Variazioni: Andante Con Moto
Rondo (Finale): Allegro Vivace
22 MIN

BENJAMIN BRITTEN [1913-1976]
Quarteto Fantasia para Oboé e Trio de Cordas, Op. 2 [1932]
15 MIN

Adicionar comentário


0
0
0
s2sdefault