Saiu no Doc
Tools

DOC 09/12/2017 – P. 71

 

PLANO DE TRABALHO-METAS – 2017 SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

 

Unidade de Trabalho: DIRETORA REGIONAL DE EDUCAÇÃO ITAQUERA

EH: 161076000000000

Gestor da Unidade de Trabalho: Marcia Marques dos Santos RF: 590.871.0

 

1- Nome da Ação: EXPANSÃO DAS VAGAS DE CEI

Tipo de Ação: ( ) Projeto ( X) Processo

Responsável pela Ação: João Pedro da Silva, RF. 560.949.6/3; Marcia Marques dos Santos, RF. 590.871.0

Justificativa da Ação: Necessidade de implementar ações a fim de assegurar à educação infantil igualdade de condições para o acesso e permanência nas unidades educacionais, tendo em vista o dever do município em atender às crianças de 0 a 3 anos e a crescente demanda na região de Itaquera.

Público Alvo: Crianças de 0 a 3 anos

Objetivo a ser Atingido: Ampliar e qualificar o atendimento na Educação Infantil (CEI)

Cronograma (etapas e períodos de execução):

I- Orientação a todas as Instituições/Entidades Parceiras e/ou que vierem a se tornar nos termos do disposto em legislação sobre a Política de Parcerias da Secretaria Municipal de Educação. Data início: fevereiro/2017, Data término: dezembro/2017;

II- Subsídios às Instituições Sociais, norteados pelas Diretrizes da SME, com o envolvimento dos diversos setores da DRE, para aditamento das Parcerias existentes, ampliação da capacidade de atendimento e/ou celebração de novas parcerias, nos termos da legislação em vigor. Data início: janeiro/2017, Data término: dezembro /2017;

III- Formação contínua para as Equipes Gestoras das Unidades Educacionais quanto às ações relacionadas ao acesso e permanência dos alunos bem como quanto à fidedignidade dos dados inseridos no EOL, principalmente em relação ao cadastro de alunos e de ambientes. Data início: fevereiro/2017, Data término: dezembro/2017.

Meta a ser alcançada: 1.059 (3,5% de 30.000, meta de SME) vagas adicionais em creches.

 

2- Nome da Ação: FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFISSIONAIS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO

Tipo de Ação: ( ) Projeto ( X) Processo

Responsável pela Ação: Simone Ribeiro Mansano, RF. 722.854.6; João Pedro da Silva, RF. 560.949.6/3; Maria de Fatima de Brum Cavaleiro, RF.590.889.2; Marcia Marques dos Santos, RF. 590.871.0

Justificativa da Ação: Considerando que a formação continuada é um processo de atualização de conhecimentos que enriquece as práticas educacionais, é fundamental investir em ações de formação dos profissionais para aprimorar o profissional e a melhoria da qualidade da Educação Municipal.

Publico Alvo: Equipe da DRE, Equipe das Unidades Educacionais, Comunidade Escolar.

Objetivos a serem Atingidos: Qualificar o trabalho dos Profissionais de Educação, por meio de ações de formação continuada; Valorizar o profissional de educação, por meio de ações formativas e parceria com outras Instituições; Promover atividades formativas destinadas à Comunidade Escolar sobre temas relevantes a sua área de atuação, em articulação entre DIPED/CEFAI/NAAPA, Supervisão Escolar e DICEU;

Cronograma (etapas e períodos de execução):

Lições elementares de iniciação ao xadrez, Fundamentos do xadrez, Teoria e pratica dos fundamentos do xadrez – primeiro e segundo semestre; Iniciação ao jogo de mancala Awelé, primeiro semestre; jogo da onça e outras brincadeiras indígenas – segundo semestre; Curso de Primeiros Socorros – segundo semestre; respeitar é preciso ( em parceria com outras DREs) – primeiro e segundo semestre; mediação de conflitos – primeiro e segundo semestre; Atualização do Programa tamojunto, (em parceira com outras DREs) – segundo semestre; Reuniões técnicas para orientações gerais sobre Contabilidade (Adiantamento Bancário, PTRF, PDDE), Bens Patrimoniais, Departamento de Alimentação Escolar, Durante o ano; Elaboração, desenvolvimento e acompanhamento do Plano de formação das Unidades Educacionais com vistas aos princípios e diretrizes estabelecidas por SME, considerando o Projeto Político- Pedagógico de cada Unidade; Formação desenvolvida pela SME e pelas Diretorias Regionais de Educação estruturada nos eixos Avaliação e acompanhamento das Aprendizagens, Currículo e Formação – durante o ano letivo; AVALIAÇÃO E ACOMPANHAMENTO

DAS APRENDIZAGENS: Diagnóstico/revisão das aprendizagens perpassando a Educação Especial; Documentação Pedagógica; Registros das Ações Inter setoriais, Avaliação interna e externa (Avaliação diagnóstica, Prova Semestral, Prova EJA, Provinha São Paulo, Prova São Paulo) e IDEB; CURRÍCULO: Indicadores de Qualidade da Ed. Infantil Paulistana; Currículo integrador; atualização do Currículo da Cidade de São Paulo articulada aos documentos curriculares produzidos pela SME e em torno da Base Nacional Comum Curricular (BNCC); Educação em tempo Integral, Educação Especial e Projetos; FORMAÇÃO: Potencializar a formação do Coordenador Pedagógico, sem perder de vista o trio gestor, professores, PAEEs, Rede Parceiras, estagiários, Auxiliar de vida escolar e demais servidores, Acompanhamento da prática pedagógica e o PEA: Problematização da prática.

Promover o diálogo e articulação coletiva por meio da aproximação entre profissionais da escola e representantes da Rede de Proteção Social (SMS, SMADS, SMDH, Sistema de Justiça...) na perspectiva da garantia da Aprendizagem; Realização de Seminários, Semana de Alfabetização, Encontro Estudantil, e Cursos pela Diretoria Regional de Educação Itaquera em parceria com as Unidades Educacionais, durante o ano letivo.

Metas a serem alcançadas:

Oferecer aos profissionais da educação da rede municipal

1.570 vagas para aperfeiçoamento profissional, em cursos de formação continuada e a Educação de Jovens e Adultos – MOVA da Diretoria Regional de Educação Itaquera com o objetivo de implementar, consolidar e acompanhar Programas e Projetos para melhoria da qualidade de ensino.

 

Acesse aqui o arquivo em pdf

0
0
0
s2sdefault