Aconteceu no SINESP

A Diretoria do SINESP celebra o 28 de outubro, Dia do Servidor Público.

Parabeniza os Educadores que se esmeram para prestar um bom serviço à população mesmo com a falta de estrutura e recursos resultante das políticas governamentais.

Que atuaram presencialmente em meio a uma pandemia, colocando a saúde e a vida em risco.

Que dão exemplo de cidadania e dedicação diariamente nas escolas públicas da cidade, atendendo a população com carinho e sabedoria.

Essa categoria essencial num país desigual e repleto de injustiças como o Brasil merece muito respeito e respaldo. Muita atenção, cuidado e investimento. Merece condições para trabalhar com alegria e motivação.

Mas o que se vê é nada de reconhecimento e valorização.

O que o governo municipal e seu séquito de vereadores têm para os Servidores Públicos é culpabilização por problemas que eles, governantes e parlamentares, provocam.

É roubo de direitos e arrocho salarial para sustentar os gordos aumentos dos já gordos salários de prefeitos, vereadores, secretários, assessores e dos cargos indicados, agora aumentados com a farra promovida pelo PL 651, aprovado pelos vereadores governistas no dia 26 de outubro.

Nesta quinta, 28, os Servidores Públicos Municipais de São Paulo estarão mais uma vez na luta em frente à Câmara Municipal.

O ato seria na Praça da República, junto com os Servidores Estaduais. Mas não dá para arredar pé da posição no momento em que os vereadores governistas estão com o bote armado para assaltar a categoria. Por isso o Fórum das Entidades convidou as Entidades estaduais a se juntarem às municipais em frente à Câmara.

Juntos, vão também fazer coro com os Servidores Federais na luta contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC 32/2020), que prevê uma reforma Administrativa que desmonta os serviços públicos, promove a privatização para agradar o mercado capitalista, penaliza a população, destrói a carreira dos Servidores Públicos e mantém privilégios de poucos.

O momento poderia e deveria ser de comemoração e festa. Mas é de luta e resistência para preservar os diretos conquistados ao longo de anos da fúria neoliberal destruidora que se apossou do país e para construir um futuro melhor!

Viva o 28 de outubro!

Viva os Servidores e os Serviços Públicos!

Adicionar comentário


0
0
0
s2sdefault