Encontro de Aposentados

Aconteceu no SINESP

O SINESP realizou, na tarde de 10 de novembro, o Encontro de Aposentados. O evento, intitulado De Bem Com a Vida, ocorreu no Clube Homs da Avenida Paulista e reuniu Dirigentes Sindicais e filiados aposentados para um agradável chá da tarde. Os cantores Anamara Ribeiro e Renato Vianna animaram o encontro com um repertório variado de música brasileira e internacional.

O Encontro de Aposentados do SINESP voltou a ser realizado de forma presencial depois de um hiato de dois anos.

O Encontro é uma forma de o SINESP acolher e homenagear os Gestores Educacionais aposentados que, apesar de não estarem mais atuando na RME, deixaram contribuições extremamente valorosas e definitivas para a construção da Rede.

O evento foi marcado por reencontros, deliciosos bate-papos e debates importantes para reforçar a identidade de classe e a importância de os Gestores Aposentados seguirem atentos ao trabalho do SINESP, sobretudo nesse momento em que os direitos dos funcionários públicos têm sido atacados por todas as esferas de poder do Brasil.

A Dirigente Sindical Maura Maria da Silva abriu o evento e discursou em nome do SINESP. Na sequência, foi a vez de a presidente do Sindicato Norma Lúcia Andrade dos Santos falar sobre a importância dos Gestores Aposentados na construção do Ensino Público Municipal da Cidade de São Paulo.

Confira a íntegra do discurso da presidente do SINESP

Estamos hoje aqui para a realização do nosso encontro de aposentados.

Desde o encontro presencial de 2019 estávamos ansiosos para reencontrar todos vocês.

Tivemos encontros virtuais em 2020 e 2021 devido à pandemia, mas esse ano estamos recomeçando nosso encontro presencial, restabelecendo os contatos pessoais que tanto estimamos.

Durante boa parte da nossa vida estivemos investindo tempo e energia na busca por melhores condições de trabalho e, consequentemente, pelo aprimoramento do sistema educacional, não só da nossa cidade, mas deste país. Muitos de nós fizemos a história da educação dessa cidade.  Parabéns a cada um de nós, pois, a história de cada um aqui é parte de um dispendioso embate. Ao longo desses 30 anos de existência do SINESP, cada um contribuiu de maneira decisiva para os avanços que obtivemos e para a resistência a tantos ataques e ao revigoramento frente às derrotas. Este sindicato, O SINESP, nada seria sem cada membro que se mobilizou em defesa de nossa categoria.

É importante também, que possamos, neste momento, enaltecer aqueles que, de maneira pioneira, abriram as portas para nós. Aqueles cuja trajetória fizeram gestores hoje se tornarem nossos filiados, fortalecendo a cada dia não só o nosso Sindicato, mas a defesa da educação pública, gratuita e de qualidade. É imenso nosso débito com essa história.

O SINESP tem uma história de conquistas e realizações. Uma história de superação. Uma história que começou em 1992, quando um grupo de profissionais da educação percebeu que algo na educação pública do município de São Paulo não estava funcionando e que, então, era preciso tomar a frente nas ações para que mudanças ocorressem.

Nesses 30 anos, o SINESP se consolidou com uma atuação forte, combativa e independente. Defendeu a categoria com segurança e responsabilidade frente a todos os governos. Com perfil agregador, angariou respeito e credibilidade no meio sindical. Uma das primeiras lutas encampadas pela categoria, com o SINESP à frente, foi à defesa da Carreira do Magistério e do concurso público para os cargos da Gestão Educacional. Tivemos lutas árduas e memoráveis, como a reconquista da Aposentadoria Especial dos Gestores Educacionais e, recentemente, o ganho da ação coletiva dos 81%.

Estes 30 anos mostram que não fugimos da luta e não esmorecemos quando o que nos cabe é a defesa dos gestores educacionais da cidade de São Paulo. Essa luta cotidiana pode ser percebida não só na qualidade e na intensidade das nossas investidas contra o covarde sistema político que não cansa de tentar nos oprimir, como a luta contra o PL 573/21 que quer terceirizar a gestão das escolas municipais; como o confisco dos nossos salários com o aumento da alíquota do FUNFIN e FUNPREV que confisca uma parte considerável dos nossos salários. Continuaremos lutando até que esses descalabros sejam retirados.

Nós aposentados, e eu aposentada nova, me aposentei esse ano,  talvez, em algum momento, tenhamos nos imaginado em uma situação de vida mais simples, desfrutando o merecido descanso depois de anos a fio na labuta diária. Mas a realidade, como muitas vezes o faz, se opõe aos nossos desejos e sonhos e, assim, ainda temos pela frente tarefas duras e árduas em defesa dos gestores do município de São Paulo. Ao nosso favor temos a força que nos moveu até aqui, os calos da experiência que os anos de vivência no ambiente educacional e o contato reiterado com os problemas dos que mais sofrem nesta cidade nos proporcionaram. Aprendemos muito e precisamos colocar esse aprendizado em prática. É ele que abrirá novos caminhos para além daqueles que nossos pioneiros e nossas pioneiras já nos permitiram trilhar.

Mas hoje, em especial, após esses anos sem atividades presenciais, queremos comemorar o nosso encontro e reencontro e saudar você aposentado que sempre esteve presente nas lutas e nas batalhas junto com o seu sindicato.

Eu gostaria aqui de aplaudir vocês e que você pudesse aplaudir o seu colega do lado por esse momento tão especial de reencontro. É muito bom estarmos juntos novamente.

E nesse momento, mesmo sendo repetitiva, quero agradecer novamente a todos vocês pela presença, hoje teremos um encontro com muita música. É um encontro para nos alegrarmos, para cantar, quem quiser vir dançar. Hoje, realmente, poder falar: estamos aqui, vencemos mais uma batalha.

Quero terminar minha fala com um trecho de uma música que, no período de afastamento, era o que mais eu queria sentir – dar e receber: Dentro de um abraço, canção de Jota Quest.

O melhor lugar do mundo é dentro de um abraço e eu vou tentar abraçar o máximo que eu puder. E que vocês possam abraçar o máximo que vocês puderem, porque a gente ficou muito tempo sem conseguir fazer esse gesto tão simples, mas que hoje tem um outro significado, uma outra importância. Então, que possamos estar dentro de um abraço, onde tudo acontece. Um bom evento para todos nós.

Atrações

Os cantores Anamara Ribeiro, gestora aposentada filiada ao SINESP, e Renato Vianna, vencedor da 4ª edição do The Voice Brasil, animaram o chá da tarde com apresentações musicais extremamente inspiradoras. Ela homenageou grandes compositoras e cantoras da música nacional, enquanto ele apresentou um repertório repleto de grandes sucessos da MPB e de artistas importantes da música internacional.

Ao final do evento, foi possível verificar a satisfação dos filiados aposentados com o reencontro depois de um período de muitas incertezas em virtude da pandemia de Covid-19. Confira alguns relatos no vídeo produzido pelo SINESP e veja a galeria de imagens.

Assista ao vídeo do Encontro

 

Veja as imagens do Encontro

Comentários   

# Celia Maria Leme Rozende 24-11-2022 12:55
Parabéns a todos... juntos somos mais fortes!!!
No próximo quero muito participar...
Responder | Responder com citação | Citar
# SINESP 29-11-2022 13:34
Citando Celia Maria Leme Rozende:
Parabéns a todos... juntos somos mais fortes!!!
No próximo quero muito participar...

Exatamente, Celia! Esperamos você no próximo! Abraço!
Responder | Responder com citação | Citar
# ANAMARA RIBEIRO 29-11-2022 11:59
Evento maravilhoso! Foi gratificante cantar para um público com tantos amigos de uma vida toda na educação.
Responder | Responder com citação | Citar
# SINESP 29-11-2022 13:32
Citando ANAMARA RIBEIRO:
Evento maravilhoso! Foi gratificante cantar para um público com tantos amigos de uma vida toda na educação.

Anamara! Que coisa boa ter sua voz linda embalando nosso encontro. Foi um ponto alto do evento, esteja certa disso. Obrigado por estar ao nosso lado nesse dia tão especial! Grande abraço!
Responder | Responder com citação | Citar

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

0
0
0
s2sdefault