Aconteceu no SINESP

Não ao PL 573/21! Não à privatização do Ensino Público Municipal! Em defesa da carreira e do concurso público!

O SINESP é protagonista da luta contra esse PL que traz privatização, desmonte do ensino público, fim do concurso e da carreira e chama toda a categoria a estar junta no dia 9/8 e em todos os momentos de resistência!

ACOMPANHE A AUDIÊNCIA AQUI.

Sindicato combate o PL 573/21 em várias frentes

O SINESP acompanha o PL 573/21 desde sua concepção e denuncia seu caráter altamente prejudicial ao Ensino Público da Cidade de São Paulo. Nos últimos meses, a autora do texto, vereadora Cris Monteiro (NOVO), tentou colocar o PL em votação na Câmara sem que fossem cumpridos os ritos regimentais da Casa Legislativa.

Essa proposta visa à entrega de dinheiro público na mão de OSs, passando a elas a gestão das Unidades Educacionais de Ensino Fundamental e Médio. O escândalo de lavagem de dinheiro envolvendo as creches conveniadas já mostrou que essa iniciativa é danosa ao erário.

O SINESP foi combativo em todas as tentativas feitas pela proponente de pautar o PL na Câmara, sem que ele sequer fosse debatido como está previsto no regulamento da Casa. O Sindicato teve atuação decisiva em todas as reuniões da Comissão de Educação, nas Audiências Públicas e denunciou as manobras da base governista para colocar o projeto em votação a toque de caixa.

Além disso, o SINESP acessou os veículos da grande imprensa e conseguiu inserções importantes para denunciar a tentativa de entrega do Ensino Público Municipal às OSs. Cobrou, ainda, espaço nos meios de comunicação para que esse tema tão importante à cidade seja debatido com seriedade.

Toda essa movimentação garantiu que o PL 573 não fosse votado e tivesse discussão garantida em Audiência Pública na Câmara Municipal de São Paulo no dia 9 de agosto.

É muito importante o engajamento da categoria e da sociedade para garantir que esse PL seja arquivado e a tentativa de entregar recursos públicos à iniciativa privada e causar sérios prejuízos à educação paulistana seja derrotada!

Veja mais sobre o PL 573/21 AQUI.

Veja a íntegra do SINESP Diálogo de 6 de junho, em que a Presidente do SINESP Norma Lúcia Andrade dos Santos analisou o PL 573 com os Ex-Secretários de Educação Municipal de São Paulo Alexandre Schneider e César Callegari e com o Prof. Dr. Luiz Carlos de Freitas.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

0
0
0
s2sdefault