Aconteceu no SINESP

O SINESP realizou, nessa quarta-feira, 6 de julho, mais uma edição do SINESP Diálogos. As Dirigentes Sindicais Norma Lúcia de Andrade dos Santos e Rosana Capputi Borges mediaram um importante debate sobre o PL 573/21 com os ex-Secretários de Educação da Cidade de São Paulo Alexandre Schneider e César Callegari e com o especialista em educação Prof. Dr. Luiz Carlos de Freitas.

Os convidados debateram as inconstitucionalidades do PL – proposto pelos vereadores Cris Monteiro (NOVO), Fernando Holiday (NOVO) e Rubinho Nunes (União Brasil) – e foram taxativos ao falarem sobre os riscos do projeto para o Ensino Público Municipal de São Paulo e sobre os perigos iminentes de prejuízo ao erário.

“A gente vem vivendo um período de ataque à escola pública”. Alexandre Schneider

“Temos que rejeitar completamente essa proposta”. Cesar Callegari

“O que vemos é a criação do neocorporativismo empresarial”. Prof. Dr. Luiz Carlos de Freitas

A presidente do SINESP também teve uma fala contundente, condenando com veemência o PL 573/21.

O que vemos hoje é que há, simultaneamente, um processo de desmonte do serviço público, de um lado, e de outro a construção de outras dinâmicas de poder, colocando nas mãos da iniciativa privada, velada pelo nome de organizações sociais sem fins lucrativos, a educação pública de nossa cidade, à custa de qualquer debate público”.

O SINESP está denunciando o PL e seu conteúdo em todos os espaços: televisão, jornais, redes sociais, audiências públicas. Participa de todas as reuniões na Câmara, colégio de líderes, comissões, sessões plenárias e audiências. Nossa luta é coletiva, estamos juntos com todos os sindicatos, organizações políticas e partidárias que estão cotidianamente nessa batalha”.

Norma Lúcia Andrade dos Santos

Assista nos canais do SINESP no Youtube e no Facebook!

www.youtube.com/c/sinespsp1?sub_confirmation=1

www.facebook.com/sinespsp

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

0
0
0
s2sdefault